segunda-feira, 23 de novembro de 2009

Frederico de Freitas

2 comentários:

DomGaston disse...

A minha saudosa mãe fez um grande trabalho sobre a obra deste compositor, lembro-me bem da viúva telefonar e ter longuiiiissimas conversas...coitada, estava só...imagino agora ter sido companheira de um génio e sentir a sua falta...

luis tavares disse...

Pois eu desde miúdo que ouvia falar do Maestro Frederico e do Maestro Joly Braga Santos. Gosto muito de música...acho que se nota. Não sei é tocar nada!